GATA NO CIO

Por: Rosi Santos Em cada salto, uma esperança de matar a vontade de algo que nunca experimentou. E ela amanheceu assim, completamente no cio! É um desespero de contorções, um desassossego de movimentos, nada tá bom, nada tá satisfatório. E ela segue no seu sofrimento matinal ao longo do dia… Comer e beber é umContinuar lendo “GATA NO CIO”

CIO DA FÊMEA ALFA

Por: Elaine Resende Estava quente. Mas não era o clima ou a noite de verão. Era o meu corpo. Estava no cio. Parecia um animal selvagem, espreitando a minha presa, pronta para o ataque. Farejei atrás de suas orelhas, toquei as pontas de seus dedos com a minha língua. Meu corpo se curvava para frenteContinuar lendo “CIO DA FÊMEA ALFA”