Resenha ” Lucy Diamond, Os Segredos da Felicidade, 2021, editora Arqueiro.”

Aproveito o fim emotivo da minha leitura para escrever sobre ela, com o calor ainda subindo pelo meu rosto e molhando meus olhos contra a minha vontade.

Me sinto impelida a escrever uma resenha formal, daquelas com início, meio e fim bem definidos, no qual traço a sinopse, falo curiosidades sobre a autora e expresso a minha opinião. Mas fui tentada a jogar tudo pro alto porque sou piegas e meu coração está aquecido por esse romance delicioso, uma trégua depois de tantas leituras duras (na vida e na literatura).

Então sim, minhas amigas leitoras, meu amigos leitores, amigues que me leem: esse é o terceiro livro de Lucy Diamond que leio, e ela me traz doçura em assuntos que seriam pedradas dependo de quem os contasse. Acabei de ler Os Segredos da Felicidade, 2016, edição de 2021 da editora Arqueiro.

É uma história sobre irmãs unidas pelo casamento de seus pais, ou seja, irmãs pela afinidade do relacionamento, não por amor, não por desejarem isso, que precisam percorrer uma jornada na vida adulta para se reconhecerem e reconectarem após a perda do pai, seu único elo.

“Ficou deitada na rede, observando as folhas balançarem sonhadoras com a brisa logo acima, ouvindo os sussurros. Desde que o pai morrera, era como se tivesse um bloco de gelo alojado no peito; parecia que nunca mais sentiria calor. Talvez, quem sabe, o gelo estivesse começando a derreter. “

Essas mulheres enfrentaram situações muito adversas em suas vidas:  tentativa de abuso, gordofobia, depressão pós-parto, divórcio, marido violento, perda de emprego, e todo o tipo de julgamento pelas escolhas feitas ou impostas pelo destino, dedos apontados muitas vezes por outras mulheres. De braços dados, essas irmãs têm a oportunidade de curar feridas e se apoiarem mutuamente.

“Pela primeira vez em semanas, a mente dela estava completamente em paz. O segredo da felicidade: subir uma montanha, pensou.”

Os romances de Lucy Diamond me trazem algo de muito bom. Eles não são apenas sobre mocinhas e rapazes apaixonados, mas sobre mulheres maduras buscando algo que seja só delas. São histórias de amor próprio e superação que enxergo nas minhas amigas queridas, na capacidade que temos de dar a volta por cima e encarar os obstáculos.

Histórias sobre mães e profissionais incríveis que andam por aí, trilhando seus caminhos sem holofotes, criando seus filhos e tocando uma profissão, se encantando com passarinhos na janela e se dando um tempo para descansar entre um estudo e outro, entre uma passada no médico com os filhos e uma reunião na escola, um café com as amigas e um cuidado com seus pais. E quando dá tempo, por que não?, se apaixonando também.

“Aquele brilho de felicidade estava de volta, notou: o brilho interior que surgia quando ela exercitava os músculos da criatividade.”

É bom demais ler um livro com final feliz. Para mim, são essas histórias que alentam e trazem esperança de que a minha própria história vista em perspectiva também tenha um final para o qual eu olhe com orgulho. Bom saber que não estamos sozinhas, nem na dor, nem na superação dela.  Experimente!

Publicado por Elaine Resende

Escritora, amante das letras, viciada em criatividade fantasiada de texto, foto, desenho, música e escultura de argila. Um dia será boa em pelo menos uma dessas coisas, mas se diverte em seguir tentando.

Um comentário em “Resenha ” Lucy Diamond, Os Segredos da Felicidade, 2021, editora Arqueiro.”

  1. Querida amiga e escritora, sua resenha, ao quebrar os modelos, sempre tão pragmáticos, nos faz próximas, semelhantes a essas mulheres, e querendo ler o livro. Parabéns,. Gostei muito. A autora com certeza deve ter gostado muito. Um beijo

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: