Tinha uma pedra

No meio do caminho tinha uma pedra
portuguesa
Tinha uma pedra
portuguesa
no meio do caminho
no meio do caminho
tinha
uma portuguesa

Ela vinha
distraída
Nunca me esqueci
Deste acontecimento
Na vida de minhas retinas
Tão castigadas
Nunca me esqueci que no meio do caminho
Tinha uma pedra
portuguesa
E uma portuguesa
Sonhadora...

Que caiu
No meio do caminho
Em vila Isabel
Em uma pedra
portuguesa
Com nota
musical
E levantou
E dançou
Já castigada
Em cima da pedra

Em cima da pedra
portuguesa
A portuguesa
Em cima da pedra

Crédito da imagem:  Foto por Karyme Franu00e7a em Pexels.com

Os textos representam a visão das respectivas autoras e não expressam a opinião do Sabático Literário.”

Publicado por Carol Pessôa

Jornalista, escritora e ex-atriz. Autora do livro À Beira da Vida, a venda nos sites da Amazon, Americanas, Magazine Luiza e Submarino.

Um comentário em “Tinha uma pedra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: