HERANÇA

De mim meus filhos herdarão todos os nomes.

 As dores.

E todos os amores.

Herdarão o fruto e a semente.

De mim meus filhos herdarão o que há por vir.

Herdarão o fim e o começo.

 O que fui.

O que quis.

Herdarão tudo o que há de juntos.

Tudo o que há de tudo.

Tudo o que há de nada.

E tudo que não posso dar.

E que não posso ser.

E tudo que ainda há de ser.

Herdarão de mim o que são.

Herdarão de mim o livre.

Da leveza ao fluído.

Herdarão as asas.

 E os pousos.

 E as pérolas.

 Herdaram as telas e as tintas.

 Desenharão para si o próprio mundo.

Crédito da Imagem: Pexels

Os textos representam a visão dos respectivos autores e não expressam a opinião do Sabático Literário. ”

Publicado por Katja Mota

Não fui eu, foi o meu eu lírico.

2 comentários em “HERANÇA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: