CAFÉ – ABRAÇO NEGRO DE AFETO!

Por: Angelica

Quem nunca tomou um café, atire a primeira pedra.
Cafezinho para ajudar a digestão 
depois de um belo churrasco com amigos.
Café a tarde para jogar conversa fora com as amigas. 
Café de manhã para dar ânimo.
Café para dar uma pausa no trabalho.
Café para confidenciar o amor.
Café na cama para uma paixão especial 
ou acalentar alguém doente.
Café na hora da raiva para pensar melhor no que se vai dizer.
Café para festejar um reencontro.
Café depois de um bom licor.
Café riqueza brasileira.
Café para unir e reunir.
Café – um cafuné na alma.
Quando alguém estiver triste, desconfortável
querendo desabafar: convide para um café.
Café abraça, consola, anima e aquece.

Caso você seja do tipo que não gosta de café, 
convide para uma xícara de chá. 
Dá no mesmo. 
O importante é estar junto, partilhar a vida e ser feliz.

Crédito da imagem: Foto por Arshad Sutar em Pexels.com

Os textos representam a visão dos respectivos autores e não expressam a opinião do Sabático Literário.”

11 comentários em “CAFÉ – ABRAÇO NEGRO DE AFETO!

  1. Café é tudo de bom! E o cheirinho? E o beijo com gosto de café? E a fumacinha que deixa a vista embaçada e a realidade com gosto de pausa e descanso? Adorei o texto, parabéns!

    Curtido por 3 pessoas

  2. Eu gosto mais do cheiro, da memória, das oportunidades, das conversas, dos encontro, dos lugares do que do gosto. Bebo mais o momento. Igual a esse lindo poema! Uma ode ao café!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: