MELANCOLIA

Melancolia, uma harpa ressoa…

Esmeralda, ilha da minha saudade.

Livre, meu pensamento a ti retorna,

Atormentado, lhe abraça, dança e chora.

Nos olhos e coração, ondas, ondas…

Chove em mim o dia frio e cinza.

Outono das folhas secas caídas…

Longe de ti, longe do meu próprio ser

Inspiro-me em lembranças, canções…

Afoga-me, doe-me n’alma. Melancolia.


(Lívia Maria - 07/01/2018)

Crédito da Imagem: Lívia Maria

Os textos representam a visão dos respectivos autores e não expressam a opinião do Sabático Literário.

Um comentário em “MELANCOLIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: