Enluarei

Sou fases, idas e vindas, ter e deixar ir

Sou cheia de sonhos, alegrias, esperanças,  lembranças, abundância

Nova de espírito, de possibilidades, de experiências

Crescente de esperança,  conhecimento, fé

Minguante de tudo que não me realiza, não me faz feliz

Minguante, nova, crescente, cheia

Não necessariamente nesta ordem

Cresço,  sumo, brilho, acredito, apareço e me faço

E de ciclo em ciclo, vou enluarando meu viver.

Crédito da imagem: Pexels

Os textos representam a visão dos respectivos autores e não expressam a opinião do Sabático Literário.

Publicado por claudianagau

Filha, mãe, professora, psicanalista em formação. Apaixonada pela vida, pelos amanheceres, pela lua, por livros, café, charuto e cachimbo. De riso fácil e amiga sincera. Direta até demais. Amante das histórias de mulheres e sobre mulheres e tudo que fale da mulher selvagem, da ancestralidade, do inconsciente coletivo.

Um comentário em “Enluarei

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: